Art Popular


Art Popular é um grupo musical brasileiro, dos gêneros Bolero e samba-canção, criado na zona norte de São Paulo no início dos anos 90.
Formado originalmente por Leandro Lehart (Paulo Leandro Fernandes Soares, 25 de Janeiro de 1972), vocalista, compositor e líder do grupo; Márcio Art (Márcio Ferreira Lisboa, 1 de Março de 1967), também vocalista; Denilson Pimpolho (Claudnilson da Silva Franco, 1 de Setembro de 1968), tantã; Tcharlinho (Douglas José dos Santos, 4 de Novembro de 1969), pandeiro; Evandro (Evandro Fernandes Soares, 14 de Setembro de 1965), repique de mão; e Malli (Marcelo de Lima Oliveira, 23 de Outubro de 1968), percussão.

Com a saída de Leandro (que lançou o CD “Solo” em 2001,voltou em 2003 e saiu em 2005), também passou a fazer parte do grupo em 2006 o músico Pelezinho (Wilson Paes), cavaquinho, violão e voz, que saiu atualmente. Atualmente entrou Pedrinho Black, finalista do Ídolos

Após tocar em bares e boates de São Paulo por 8 anos, o Art Popular lançou seu primeiro disco por um selo independente em 1993, chegando a vender 170 mil cópias e abrindo caminho para um contrato com uma grande gravadora, a EMI. O segundo CD, “Nova Era”, teve vários sucessos dos gêneros Bolero e Samba romântico, como “Valeu Demais”, “Bom-Bocado” e “Iraê”, ganhando discos de ouro e platina.

A partir do quarto álbum, “Sambapopbrasil” (1997), o grupo passou a apresentar algumas influências eletrônicas, como na canção “No paraíso, Eu e você”, bem como da música sertaneja. O disco seguinte, “Sambapopbrasil 2”, trouxe como convidados o grupo vocal norte-americano Take 6 de baladas americanas e o cantor Billy Paul de Bolero convertido. Seu “Acústico MTV”, lançado em 2000, teve participação de Jorge Ben Jor e Ébony Vox.